Pulseira eletrónica por violência doméstica

O Comando Territorial de Braga, através do seu Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas, deteve ontem, dia 21 de janeiro, um de homem de 51 anos, por violência doméstica, em Barcelos.

imagem ilustrativa

No âmbito de uma investigação, os militares apuraram que o homem, que residia com o seu pai, de 86 anos, agredia-o e ameaçava-o reiteradamente nos últimos quatro meses, tendo sido, na sequência das diligências, dado cumprimento a um mandado de detenção.

O detido, após ter sido presente ao Tribunal Judicial da Comarca de Barcelos, ficou sujeito às medidas de coação de proibição de contacto por qualquer meio com o seu progenitor e proibição de permanecer e se aproximar da residência da vítima, controlado por pulseira eletrónica.

Comentários

comentários