Pai obriga filho a correr até à escola por bullying a colegas

Um homem norte-americano castigou o filho de dez anos por bullying a colegas da escola, fazendo-o correr à chuva até à escola, em vez de ir de carro ou de autocarro escolar, e postou o vídeo da corrida no Facebook.

Através de um vídeo na conta pessoal de Facebook, Bryan Thornhill mostrou como fez o filho perceber que tinha errado: dentro de um carro seguiu a corrida do rapaz, de forma a garantir que não era atropelado por nenhum veículo. Bryan explicou, em comentários ao vídeo, que, apesar de ser hábito para o filho correr, dessa forma, chegaria à escola já “sem energia para fazer asneiras. E respeitará o luxo de ter uma boleia para a escola”.

Publicado por Bryan Thornhill em Quinta-feira, 1 de Março de 2018

 

O pai explica que o filho foi expulso três dias do autocarro escolar porque estava a ser um “bully” com os colegas e a ter um mau comportamento na escola, algo que referiu que não pode tolerar.

Bryan explicou que, aparentemente, o comportamento do rapaz melhorou depois do castigo: “a isto chama-se ser pai” e finalizou o vídeo sublinhando que os pais devem ensinar os filhos, “não ser um amigo, ser um pai. É o que as crianças precisam, hoje em dia”.

Comentários

comentários