O árbitro é mulher? A televisão iraniana não transmite o jogo !

Estação de televisão iraniana não transmitiu esta sexta-feira o jogo de futebol da liga alemã entre o Augsbourg e o Bayern de Munique. A transmissão foi cancelada à ultima hora porque o árbitro era uma mulher.

 

O encontro faz parte da 22. ª jornada do campeonato de futebol alemão, a Bundesliga, com alguns jogos a serem habitualmente transmitidos pelo canal público da televisão iraniana. Esta sexta-feira à noite, isso não aconteceu.

 
 
GRASSAU, GERMANY – JULY 18: Bibiana Steinhaus poses during the DFB Referees Portrait Session on July 18, 2018 in Grassau, Germany. (Photo by Sebastian Widmann/Bongarts/Getty Images)

Segundo os jornais alemães, o motivo foi o facto de o árbitro ser uma mulher e que, como todos os árbitros, veste calções e t-shirt, considerada imprópria para o sexo feminino naquele país. As leis do Irão não permitem a exibição de imagens de mulheres que mostrem o corpo.

A arbitra é a alemã Bibiana Steinhaus, 39 anos, que em setembro de 2017 se tornou na primeira mulher a arbitrar uma partida da primeira liga do futebol alemão. Aquilo que foi uma conquista ainda não o é em algumas partes do mundo.

 
 

Natalie Amiri, correspondente no Irão do canal público alemão ARD, escreveu no Twitter: “A partida foi cancelada em cima de hora! E de quem é a culpa de novo: da Bibi, é claro. Bibiana Steinhaus é uma mulher e usa calções, algo que não pode ser visto na TV estatal iraniana”.

Em maio, a televisão iraniana tentou censurar uma partida também do campeonato alemão que teve Steinhaus como árbitra, mostrando cenas aleatórias do público toda vez que a câmara se aproximava dela, o que se revelou impossível. Desta vez, decidiu anular a transmissão.

O jogo entre o segundo classificado e o 15.º da Bundesliga terminou com a vitória do Bayern Munique, por 3-2.

Comentários

comentários