Casas do Conhecimento desafiam cidadãos a conhecer seis livros

A Rede Casas do Conhecimento (RCdC), que junta a Universidade do Minho e diversos municípios, retoma esta quarta-feira o ciclo “Comunidade de Leitores”, que inclui conversas sobre mais seis livros, uma por mês, até fevereiro de 2021. A primeira obra escolhida é “Novaceno – o advento da era da hiperinteligência”, do ambientalista britânico James Lovelock, e vai ser apresentada às 17h30 pelo coordenador da Casa do Conhecimento de Vila Verde, Ismael Graça. A inscrição para participar online decorre em bit.ly/CLRCdCVV_11.

Casas do Conhecimento

A 21 de outubro, “Planalto do Gostofrio”, que Bento da Cruz dedicou ao povo barrosão, vai ser desvendado pela vereadora da Educação do Município de Montalegre, Fátima Fernandes. Já a 18 de novembro é a vez de “O tempo não existe: manifesto (bilingue)”, do arquiteto, pintor e pensador Nadir Afonso, ser analisado pela presidente da Fundação Nadir Afonso, Laura Afonso. E o romance “A hora da estrela”, da modernista brasileira Clarice Lispector, vai ser trazido a 16 de dezembro por Carlos Mendes de Sousa, professor do Instituto de Letras e Ciências Humanas da UMinho.

No início de 2021, Carlos Subtil revela a 20 de janeiro o seu livro “Bernardino António Pires: ilustre médico iluminista nascido em Paredes de Coura”, enquanto o reitor da UMinho, Rui Vieira de Castro, conversa a 17 de fevereiro sobre “Frente ao contágio”, escrito por Paolo Giordano sobre a pandemia atual. Todas as sessões estão previstas para as 17h30.

Esta terceira edição da “Comunidade de Leitores da RCdC” quer continuar a promover a leitura, através da formação de comunidades locais, e a partilhar conhecimento em rede. O projeto tem a colaboração dos Serviços de Documentação da UMinho e dos municípios de Boticas, Montalegre, Paredes de Coura e Vila Verde. O evento é em formato online face ao contexto sanitário, embora mais tarde se pretenda o formato híbrido, para que os cidadãos possam interagir pessoalmente com o convidado da sessão e a sua comunidade local.

Entretanto, a Casa do Conhecimento da UMinho prossegue a 24 de setembro o ciclo de conversas online “Combater a Pandemia com UM Conhecimento”. A professora Teresa Soares, da Escola de Economia e Gestão da UMinho, vai abordar às 18h00 o tema “Benefícios económico-financeiros e fiscais em tempos de pandemia”. A 22 de outubro é a vez de Pedro Morgado, professor da Escola de Medicina da UMinho, refletir sobre “Como reduzir o impacto da pandemia covid-19 na saúde mental”. As inscrições para esta iniciativa são divulgadas em facebook.com/casasdoconhecimento. As sessões de novembro e dezembro vão ser anunciadas em breve.

Comentários

comentários