Assembleia da República atacada com cocktails molotov

Um homem arremessou dois cocktails molotov contra a Assembleia da República, este domingo à noite, avançou a edição online do JN. Conseguiu pôr-se em fuga antes de ser identificado pelas autoridades.

Eram 18.30 horas, quando o corpo de segurança da Assembleia da República foi surpreendido com duas explosões. Eram dois engenhos explosivos de fabrico artesanal que tinha sido atirados para a escadaria principal do Parlamento.

Imediatamente, uns elementos da GNR que estavam no local de sentinela apagaram as chamas e alertaram a PSP. As explosões não chegaram a causar danos, mas causaram bastante alarme porque o objetivo era atingir as instalações de um órgão da República Portuguesa.

De acordo com informações recolhidas pelo JN, as imagens de videovigilância da Assembleia foram analisadas e permitiram estabelecer que tinha sido um única pessoa a atirar os dois cocktails molotov. Estava de cara tapada, impossibilitando assim a sua identificação.

A investigação foi confiada à Polícia Judiciária.

Comentários

comentários