Ott Tanak é o vencedor do Rally de Portugal

O estónio Ott Tanak é o vencedor do Rally de Portugal 2019. O piloto de 31 anos foi o mais rápido no conjunto das classificativas do rally, conquistando assim a terceira prova desta temporada. Já havia vencido na Suécia e no Chile.

Ao volante de um Toyota Gazoo Racing WRT, Tanak, que tem como copiloto Martin Jarveoja, venceu o nona prova do mundial na sua carreira, tendo participado já em 98 ralis. Foi a sua estreia como vencedor em Portugal, na 53ª edição do rally nacional.

fotografia: João Carvalho

O homem da Toyota deixou o belga Thierry Neuville (Hyundai i20) a 15,9 segundos, mas falhou o assalto à liderança do Mundial.

Armindo Araújo foi o melhor piloto nacional, com 2:05.46 horas, terminando com 1.49 minutos de vantagem para o segundo classificado, Bruno Magalhães (Hyundai i20).

Armindo Araújo, ao volante de um Hyundai i20 R5, terminou a edição de 2019 do Rali de Portugal como o melhor piloto português na prova, partilhando, no final, um sentimento de “missão cumprida”.

Fotografia: Nuno Tinoco

“Foi muito bom, conseguimos cumprir tudo aquilo que queríamos. Vencemos no campeonato nacional, fomos a melhor equipa portuguesa. Toda a gente trabalhou muito bem, e creio que fomos inteligentes na forma como abordámos e gerimos toda a prova”, disse à agência Lusa.

O piloto de Santo Tirso, que somou nesta prova a pontuação máxima para o Campeonato Portugal de Ralis (CPR), ascendeu ao segundo lugar da competição, algo que também o deixou “muito satisfeito”

IN: DN / JN

Comentários

comentários

You may also like...